Os corticoesteroides intranasais na rinite

Os corticoesteroides intranasais são anti-inflamatórios potentes e constituem a primeira escolha em pacientes com sintomas nasais (rinite alérgica e não alérgica) persistentes que interferem nas atividades diárias e/ou no sono.

São eficazes na melhora dos sintomas como coceira, obstrução, coriza e espirros, melhorando assim a qualidade de vida dos pacientes e de seus familiares.

Os corticoesteróides intanasais disponíveis no mercado são seguros, com baixa absorção sistêmica, mínimos efeitos colaterais e sem comprometer o comprometimento em crianças. Alguns exemplos destas medicações são: budesonida, furoato de mometasona, furoato de fluticasona, ciclesonida, etc.

Esses medicamentos são aplicados por via intranasal, com ação rápida local e com menos efeitos sistêmicos.
Os efeitos adversos são pequenos. Os mais comuns são ressecamento e atrofia da mucosa nasal, sangramento, queimação e irritação local que após suspender a medicação, desaparecem.

Os corticoesteróides intranasais devem ser sempre prescritos pelo médico assistente.

 

Fonte: Chong Neto HJ et al. Corticoesteróides intranasais. Rev.Bras. Alerg.Imunopatol. – Vol.33.no.2, 2010. Seth D; Kamat D.Intranasal Steroid Therapy for Allergic Rhinitis.Pediatric Annals. 2019;48(1):e43-e48